Vencedor do concurso cultural Magia Natalina

Vencedor do concurso cultural Magia Natalina

 

A carta escrita pela mãe Giselle Karine Depiné para a filha Lorenza de oito anos emocionou o Papai Noel junto à comissão julgadora do Atlântico Shopping. O prêmio máximo entregue na manhã dessa segunda-feira, 16, através do concurso cultural Magia Natalina, foi um ano de escola para a menina, que necessita de cuidados especiais pelas dificuldades motoras, na fala e na audição. Ingressos para o cinema, brinquedo e passeio no Beto Carrero World foram mais presentes entregues à família de Rio do Sul, no Alto Vale de Santa Catarina.

 

“Após o nascimento da minha filha, os médicos avaliaram as suas condições de saúde e atribuíram índice 2 de Apgar, o que significa asfixia grave. Com a falta de oxigênio ao nascer, dificuldades no desenvolvimento foram aparecendo. O atraso para começar a falar, sentar e até caminhar foram os primeiros sintomas”, descreve Giselle Karine Depiné.

 

“Atualmente, pelos cuidados que ela necessita, a escola possui um valor maior que meu aluguel, mas é importante para ela, então, trabalho para oferecer uma educação apropriada. Lorenza perdeu o pai há três anos em um acidente. E, em 2011, uma enchente levou tudo o que havíamos conquistado em Rio do Sul. Justamente por isso, pedi um ano de escola para o Papai Noel”, explica Giselle.

 

Entre lágrimas, Giselle recebeu da equipe do Atlântico Shopping uma cartinha do Papai Noel e viu seu pedido atendido. Lorenza também foi presenteada com uma boneca cheia de acessórios. A família de Giselle ganhou ingressos para o cinema e ainda recebeu do Beto Carrero World entradas para conhecer o parque. “Havia prometido para a minha afilhada, a prima da Lorenza, que se ganhássemos o prêmio eu daria um jeito de levá-la para conhecer o Beto Carrero porque sempre foi o seu sonho. Ficamos muito felizes em dividir com a família esse momento. Estamos todas encantadas,” comenta Giselle.

 

A gerente de marketing do Atlântico Shopping Catherine Signori Feix e Lima informa que ao todo foram mais de 15 mil cartas recebidas em função do concurso de Natal.

 

“Recebemos muitas mensagens. Foi uma grande dificuldade e uma responsabilidade imensa decidir entre tantas cartinhas qual seria a vencedora. Mas, ao final, vendo o rosto da mãe que recebeu um presente, um sonho que irá ajudar sua filha, uma alegria imensa veio à tona. Nesse caso, sabemos que o prêmio possui um significado muito maior do que o valor em dinheiro, porque vai mudar a vida de uma família inteira,” comenta.